2011 – Primeira vez no Chile

Scroll down to content

Sabe quando alguém te pergunta algo totalmente sem importância e você simplesmente responde que tanto faz? Minha viagem para o Chile foi mais ou menos assim. Obviamente eu não fazia idéia de que eu estava prestes a conhecer um lugar tão incrível!

O Chile nunca fez parte da ampla lista de lugares que eu gostaria de conhecer antes de morrer. Na verdade eu nunca havia parado para pensar a respeito. Enfim, um dia minha mãe me liga empolgadíssima dizendo:

– Filha, o pessoal do Rotary vai fazer uma viagem para o Chile e eu estou louca para ir. Seu pai não está muito empolgado e sua irmã irá trabalhar. Conheço todas as pessoas que vão, mas será que você gostaria de ir comigo? Acho que vai ser super divertido, vamos?

– Ixi, mãe..adoraria mas estou meio sem dinheiro…você paga?

– Pago!

– Então eu vou, claro! Entende uma coisa, mãe: se você me convidar para ir para a Etiópia e disser que paga, eu vou! Hahaha!

Quando recebi o roteiro da viagem, logo mostrei para o meu chefe que já havia ido para lá. Ele falou que o roteiro estava muito legal, super completo e que o valor estava ótimo! Aí comecei a me empolgar ainda mais, a pesquisar sobre o lugar e a riscar os dias no calendário, torcendo para que o dia “D” chegasse o mais rápido possível! No fim das contas minha irmã e o namorado acabaram indo também, bem como duas outras primas engraçadíssimas e super parceiras!

Considerando que minha família mora no interior do Paraná, pegamos um ônibus até Puerto Iguazú (que é relativamente perto) e de lá voamos para Santiago do Chile (via Buenos Aires) com a Aerolíneas Argentinas. Vale lembrar que, bem na época que iríamos viajar, o Vulcão Pueyue resolveu entrar em erupção. Vôos cancelados, aeroportos fechados, cinzas se espalhando por inúmeras cidades e NADA disso impediu ou atrapalhou nossa viagem. E é por essas e outras que acredito piamente na existência e no poder de Deus.

Eu já havia sobrevoado a Cordilheira dos Andes outras vezes, e, diga-se de passagem, é emocionante e um pouco assustador, mas nunca havia sequer saído do aeroporto de Santiago para dar uma voltinha. Chegando no aeroporto, o transfer já estava nos aguardando. Mas para dar um pouco mais de emoção à viagem que iniciava, minha mãe foi barrada na alfândega por ter 6 (eu disse SEIS!) amêndoas na bolsa. Sou viciada nessas coisas e sempre tenho todos os tipos de “nuts” comigo para ficar “beliscando” o tempo todo. Mas por azar, elas estavam na bolsa da Dona Neiva! Ai meu Deus, queriam nos prender por causa de 6 amêndoas! Eu disse para o fiscal que, para que “elas” não entrassem no país, eu as comeria sem problemas! Mas ele, com aquela cara de mau e de poucos amigos, fez uma cara ainda mais feia e nos fez preencher alguns formulários. Graças a Deus a fiscal que nos atendeu em seguida era super sensata, viu que não fizemos por mal e que não trabalhávamos para o tráfico internacional de amêndoas em pequenas quantidades e nos liberou sem nem cobrar a multa. Ufa! Essa foi por pouco! E não preciso nem falar que no resto da viagem todo mundo ficou tirando sarro da cara da minha mãe, a “criminosa da excursão”! hahahahahhahaha!

Passado o susto, pegamos o transfer e fomos direto para o hotel. Instantaneamente eu me apaixonei por Santiago. Assim que você sai do aeroporto, você já vê a Cordilheira dos Andes e toda sua magnitude. É uma vista linda e eu não conseguia parar de tirar fotos. Para onde quer que você olhe, lá está ela, bela e imponente! Fiquei impressionada!

As ruas e construções me lembraram muito a cidade de Paris, que é uma das minhas cidades favoritas! Nosso guia era muito querido, super prestativo, engraçado e inteligentíssimo! O homem era uma wikpedia ambulante, gente! Paramos no hotel Santiago Park Plaza para deixar as malas. Aliás, devo dizer que este hotel é demais! Num estilo antigo mas “luxuoso” com excelente serviço, comida deliciosa, cama fofinha e localização excepcional!

Partimos direto para o city tour e a cada rua que cruzávamos, eu me apaixonava mais por Santiago! Obviamente eu e minha câmera sentamos ao lado do motorista o tempo todo para registrar os melhores momentos, claro.

As refeições estavam todas incluídas, algumas no hotel e outras em vários restaurantes diferentes. Inclusive, come-se e bebe-se MUITO bem nesta cidade. Neste momento preciso falar sobre restaurante pelo qual eu me apaixonei: Como Água Para Chocolate! Ambiente super aconchegante e descontraído, decoração “meio” mexicana, comida MARAVILHOSA e sobremesas dos deuses! Recomendo muito! Mas tentem chegar bem cedo pois de uma hora para a outra uma fila gigantesca se forma e aí você precisa esperar um bom tempo por uma mesa. E se você der sorte, vai pegar a mesa que na verdade, é uma cama!!! Para que entendam melhor, basta ver a foto da Dona Neiva, deitadinha enquanto espera sua refeição! Hahahaha! Ah, e muito próximo a este restaurante, está o “Patio Bellavista” que nada mais é do que um “quadrado” interessantíssimo CHEIO de lojinhas e barzinhos!!! É DEMAIS!

Passeamos muito pela cidade, fizemos algumas comprinhas (pero no muchas…) visitamos vários pontos turísticos (não deixem de visitar a Catedral de Santiago, é maravilhosa!) e duas vinículas. A famosa Concha y Toro, ainda em Santiago e a Indomita que fica em Casablanca, no caminho para Valparaíso. Ambas são muito legais mas, a segunda ganhou meu coração! A impressão que tive foi que, como a Concha y Toro é mais famosa e já ganhou o mercado, esta não precisa “conquistar” clientes e fazer seus “olhinhos” brilharem! Então o tour, as explicações e a degustação deixam a desejar. Já na vinícula de Casablanca, a atenção que eles nos dão é cativante! O lugar é lindíssimo, os vinhos são deliciosos e a degustação foi muito mais técnica e interessante. Então, se tiverem que escolher, Indomita é a melhor opção!

No terceiro dia era o dia de conhecer a neve! Estávamos todos muitíssimo empolgados e a viagem para o Vale Nevado não poderia ter sido mais divertida! Subir a Cordilheira dos Andes é meio assustador, preciso confessar. São curvas e mais curvas, a estrada é super estreita e quando você olha prá baixo e vê aquele penhasco sem fim, é inevitável não pensar em uma possível queda! Mas mesmo assim, a vista é impressionante! Uma das coisas mais lindas que já vi na vida. No perfil tem uma foto que tirei da minha mãe na janela da van, dá para ter uma leve idéia do que eu estou falando aqui. Passamos o dia na neve e no dia seguinte iríamos para Valparaíso e Viña Del Mar.

Para não fugir a regra, também me apaixonei pelas duas cidades! Super fofas, pequenas e acolhedoras. O Oceano Pacífico parece sorrir para você! É demais! Passamos o dia passeando por lá e almoçamos em um restaurante delicioso! Por mim, eu ficaria uns 3 dias em Viña Del Mar fazendo NADA! Só comendo e tomando sol e vinho. Ahhhh, seria a glória! Mas a realidade dizia que era hora de voltar, não só para Santiago, mas para o Brasil. Ai como é triste quando nossas viagens chegam ao fim. Eu sofro seriamente de depressão pós-viagem. Pós-viagem, pós-férias, pós-feriado, e assim vai! Voltar a realidade é extremamente complicado para a minha pessoa.

E assim chega ao fim mais uma viagem maravilhosa! Pela primeira vez na vida eu vi e senti a neve. Achei lindo, interessante e gelado! Hahaha! E também pela primeira vez na vida, achei que minha mãe, meu exemplo de pessoa e de vida, seria enquadrada pela lei! Hahahahahahah! Honestamente, esta me assustou um pouquinho.

Posso afirmar que minha experiência chilena foi excepcional e surpreendente! E foi com esta viagem que aprendi a nunca duvidar do potencial de determinada cidade ou país. Espero que, assim como eu, todos tenham a oportunidade de conhecer este país que é tão incrível e acolhedor!

 



Booking.com

(function(d, sc, u) {
var s = d.createElement(sc), p = d.getElementsByTagName(sc)[0];
s.type = ‘text/javascript’;
s.async = true;
s.src = u + ‘?v=’ + (+new Date());
p.parentNode.insertBefore(s,p);
})(document, ‘script’, ‘//aff.bstatic.com/static/affiliate_base/js/flexiproduct.js’);

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google photo

You are commenting using your Google account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: